COMPARTILHAR

eletricidadeCom fornecimento de energia, Clube de Aviação poderá iniciar obras para receber aviões de pequeno e médio porte. Além de beneficiar a população, Aeródromo facilitará negociações com empresários de fora

 
O Aeródromo de Itaúna está perto da operacionalização. Isso porque será instalado no local um transformador e rede elétrica de baixa tensão. A obra está orçada em torno de 95 mil reais e já foi paga pela Prefeitura à CEMIG, que vai executar o projeto. A previsão é que a instalação seja concluída em abril.

 

 

Com a rede de energia elétrica, o Clube de Aviação, entidade responsável por implantar o Aeródromo, estará em condições de construir os hangares e fazer o asfaltamento ou a plantação de grama na pista de rolagem para os pequenos e médios aviões.

 

 

O Presidente do Clube de Aviação

 

, Thomaz Augusto de Souza Leão, lembra os benefícios para população, principalmente econômico, de ter um Aeródromo no município. “O apoio da Prefeitura tem sido fundamental para que possamos avançar na construção deste novo espaço. Esta obra irá beneficiar toda população itaunense e todos os empresários que sempre vêm a Itaúna fazer negociações com a indústria e o comércio, já que atualmente precisam pousar em aeroportos vizinhos. Inclusive, tendo conhecimento do andamento da construção do campo, a diretoria do Clube de Aviação já foi procurada por várias empresas do setor de aviação com o objetivo de montar oficinas para atendimento ao setor, pois os grandes centros já não estão suportando a demanda e o custo é muito alto”, afirmou.

 

 

O Aeródromo de Itaúna fica na Fazenda Três Barras, na região dos Coelhos, às margens da rodovia MG 050.

 

 

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.