COMPARTILHAR

02O campo de aviação de Itaúna está próximo de poder operar para pouso e decolagens de aeronaves de pequeno e médio porte. O clube de aviação vem trabalhando há alguns anos para realizar o sonho de ter um aeroporto no município. A conclusão da obra é esperada com expectativa por parte dos empresários da cidade, que acreditam que o empreendimento vai ajudar principalmente a fomentar a economia da cidade.

 
A terraplanagem da pista de 1,7 mil metros já está pronta e foi construída com recurso do clube de aviação de Itaúna, responsável pelo local, depois que a Prefeitura cedeu o terreno em regime de concessão por 20 anos. Segundo o presidente do clube de aviação da cidade, Thomaz Augusto Leão, o intuito agora é fazer novos investimentos em infraestrutura. “O próximo investimento será uma captação da água pluvial. Já está sendo feito um projeto e a execução deve começar de um mês a um mês e meio”, afirmou.

 
Para que o local se transforme num aeródromo aprovado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e receba aviões de pequeno e médio porte, o clube ainda precisa atender alguns requisitos, como o asfaltamento da pista. “Temos de realizar o trabalho de cercar toda a pista e balizamento. Acreditamos que que quando a pista já estiver operando, vamos conseguir esse recurso”, explica o membro do clube, Silesío Vilela.

 
O local escolhido para a implantação do aeródromo fica às margens da MG-050, a cerca de cinco quilômetros de Itaúna. Segundo o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Itaúna, Maurício Gonçalves Nazaré, o empreendimento deve ajudar a fomentar a economia da cidade a médio e longo prazo. “Se temos um aeroporto bem feito, que tenha condição de pouso e decolagem, que tem hangares para receber essas aeronaves, além dos prestadores de serviço, temos também a condição de sempre estar desenvolvendo estes novos empreendimentos”, ressaltou.

 

 

Para o presidente da Associação Comercial e Industrial de Itaúna, Afonso Henrique Lima, o início da implantação de um aeródromo que pode vir a se tornar um aeroporto demorou para acontecer. “Já está atrasado e quanto mais rápido ele for implantado, melhor. Iremos economizar tempo tendo um aeroporto aqui na cidade”, explicou.

 
O Prefeito do município, Osmando Pereira, espera conseguir novos recursos para melhorar a infraestrutura do local. “O próximo passo é o asfaltamento da pista e também a construção da área de taxiamento e hangares. Então pretendemos viabilizar os recursos e participar para que o aeroporto possa funcionar o mais rapidamente possível”, afirmou.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.

Comments are closed.