COMPARTILHAR

IMG_9962Jornal Folha do Povo mente ao dizer que gastos são de 2 milhões. Confira os valores reais

 
A Prefeitura de Itaúna, por meio da Secretaria de Saúde, cumpre o dever de corrigir informações erradas divulgadas pelo jornal de oposição Folha do Povo, na edição do último final de semana, dia 23/05. A matéria sob a manchete “Cismep custa R$2 milhões/mês” contem informações completamente equivocadas sobre os valores realmente gastos pela Prefeitura com o Cismep.

 

 

Os valores reais gastos pela Prefeitura de Itaúna com o custeio do Cismep – Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Paraopeba são os seguintes:

 

 

Contrato de rateio
• Repasse mensal de recursos da prefeitura para I.CISMEP, para manutenção das atividades administrativas do consórcio, bem como realização de ações e serviços de saúde.
• Cerca de 50% do valor é revertido em exames.
2014 2015
Abril R$ 77.000,00

 

Contrato de transporte
• Prestação de serviços de transporte sanitário com a respectiva cessão temporária de veículos Micro-ônibus, de acordo com Sistema Estadual de Transporte em Saúde (SETS), programa da SES.
2014 2015
Abril R$ 7.359,95

 

Contrato de prestação de serviços
• Prestação de serviços especializados por profissionais de nível superior e médio, na área de assistência à saúde, em nível hospitalar e ambulatorial.
2014 2015
Abril R$ 145.682,99
Contrato de programa
• Transferência, pelo CONTRATANTE ao CONTRATADO, da gestão do PRONTO SOCORRO DO MUNICÍPIO DE ITAÚNA, (Pronto Socorro Municipal), Unidade integrante da Secretaria de Saúde do Município de Itaúna (MG), com o objetivo de fortalecer, ampliar e qualificar o atendimento de urgência e emergência
aos usuários do Sistema Único de Saúde-SUS do Município e da Região de Saúde de Itaúna.

 

 

Abril R$ 882.701,22

 

 

O contrato de Programa se subdivide em:

 

 

• Gestão operacional: ate R$ 140.000,00/mês. Pode chegar a R$180.000,00 com autorização previa do gestor.
• Inclui: material médico-hospitalar, insumos e medicamentos, telefone, enxoval, manutenção corretiva e preventiva de equipamentos, investimentos e substituição de equipamentos, manutenção predial, etc.

 

 

• Recursos humanos: ate R$ 250.000,00/mês.
• Inclui: contratação de enfermeiros, técnico de enfermagem, pessoal administrativo, porteiro, segurança, maqueiro, pessoal de manutenção, pessoal de limpeza e higienização, com respectivos uniformes, EPI, encargos sociais e verbas rescisórias.

 

 

• Serviços médicos: até R$ 540.000,00/mês. Podendo chegar ate R$ 623.000,00/mês, com autorização previa do gestor.
01 ortopedista.
01 cirurgião de segunda 19h a sexta 19h.
02 cirurgiões de sexta 19h a segunda 19h.
03 clínicos ate 22h.
02 clínicos noite.
04 clínicos segunda dia.

 

 

• Taxa administrativa.
• 2% na parte medica (nova negociação) e 5% sob gestão operacional e RH.
• Inclui pagamento estrutura administrativa do i.cismep na sede do consórcio para: elaboração e execução de licitação, serviço jurídico, contratação de pessoal, incluindo realização de exames admissional e periódico, etc.
É importante lembrar – e a Secretária Municipal de Saúde, Ângela Amaral, deixou esta informação clara durante a apresentação na Câmara no dia 19/05 – que os números indicados acima são apenas para indicação de valores máximos mas o que foi efetivamente gasto foi o valor demonstrado de R$ 882.701,22 durante o mês de Abril. Ressalte-se que os valores pagos abrangem também os atendimentos especializados que são feitos para a população de Itaúna na unidade do Cismep em Betim.

 

 

Portanto o valor total gasto com o Cismep durante o mês de Abril foi de R$1.112.744,16 (A soma dos valores dos contratos de Rateio R$77.000,00, de Transporte R$7.359,95, de Prestação de Serviços R$145.682,99 e de Programa R$882.701,22 exceto as taxas administrativas).

 
A Secretária de Saúde, Ângela Amaral, rebate a postura do jornal: “Os investimentos feitos pela prefeitura na saúde através do Cismep são coerentes com os serviços realizados e com a tabela preconizada pelo SUS. Só no Pronto Socorro o número de atendimentos aumentou de 4.500 ao mês em setembro de 2013 para 6.500 em abril de 2015. Em Betim são realizados mais de 400 atendimentos ao mês, entre consultas e exames e 13 cirurgias, além do transporte seguro e gratuito para os pacientes”.

COMPARTILHAR

Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.