COMPARTILHAR

Helton Vilaça (camisa rosa) em conversa com albergadosObjetivo é auxiliar albergados com a aprendizagem de uma atividade profissional e com o acesso deles aos serviços da Secretaria de Assistência Social

 

 

O CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) fez uma parceria com o Albergue Fraterno Bezerra de Menezes para estender aos albergados alguns serviços oferecidos pelo órgão da Secretaria de Assistência Social. O CRAS, que é uma das portas de entrada para os serviços de Assistência Social do município, disponibilizará um profissional para ensinar aos albergados a profissão de cabeleireiro e uma assistente social para orientar sobre pedido de segunda via de documentos, passagens entre outros serviços.

 
Nesta quarta-feira, 01/07, o Coordenador do CRAS, Helton Vilaça, esteve na entidade conversando com os albergados. “Nós queremos saber a história de vocês, para isso, precisamos estar mais próximos de vocês. Eu quero ver a evolução de cada ser humano aqui. Há momentos que nos esquecemos que todo mundo tem potencial, todos aqui são pessoas de bem. Vocês estão em um lugar em que têm tudo aquilo que precisam, são bem tratados, são respeitados e estão livres das coisas ruins de lá fora. O Luiz Henrique é cabeleireiro, um dos melhores da cidade, e ele está a disposição de vocês toda quarta-feira, para ensinar quem quiser aprender cortar cabelo. Além disso, de quinze em quinze dias uma assistente social virá aqui para ajudar naquilo que a casa precisar dela”, disse Helton.

 
O CRAS auxilia na abordagem ao morador de rua e no encaminhamento até a entidade. O Albergue trabalha com três pontos fundamentais para o ser humano: Disciplina, Trabalho e Fé. A instituição sobrevive com recursos provenientes da Prefeitura de Itaúna, de doações, da Sedese (Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social) e da venda de hortaliças e vassouras produzidas a partir de garrafas pet pelos albergados.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.