COMPARTILHAR

itauna_adilson_nogueira2Representada pelo prefeito Osmando Pereira, Itaúna recebeu no último dia 17, em uma solenidade em São Paulo, o prêmio de 43ª melhor cidade, entre municípios de médio porte, de todo o país. O reconhecimento foi concedido pela Revista IstoÉ e a consultoria Austin Ratings, que desenvolveram em 5.565 cidades brasileiras uma pesquisa para identificar as Melhores Cidades do Brasil em 2015. Itaúna foi um dos 80 municípios melhor posicionado no levantamento feito com base em cerca de 500 itens.

 

 

O Ranking das Melhores Cidades do Brasil foi feito durante cinco meses, através da coleta e cruzamento de dados, avaliados em quatro indicadores: Sociais, Fiscais, Econômicos e Digitais, sendo que cada um deles abrange 40 itens. Classificada na categoria de porte médio, para cidades com população entre 50.001 até 200 mil habitantes, Itaúna foi a 43ª melhor qualificada de forma geral nesta categoria; e foi ainda melhor avaliada nos Indicadores Sociais, a 25ª entre todas do Brasil, de todos os portes; já nos Indicadores Sociais de porte médio, a 11ª.

 

 

Dentro dos Indicadores Sociais, em que foi premiado, o município se destacou na Educação em cidades de porte médio, com a 11ª posição; seguida pela Habitação, em 19º lugar; e a Responsabilidade Social, em 26º. A cidade de Curitiba, no Paraná, foi a melhor avaliada, conquistando o primeiro lugar na classificação geral e como cidade de grande porte; Itajaí (SC) foi eleito o melhor município de médio porte do Brasil; e Congonhas (MG) o de menor porte.

 

 

O Ranking, que será publicado oficialmente neste domingo em todo o país, funciona como uma ferramenta para que os gestores dos municípios elaborem estratégias de governança a médio e longo prazo, aprimorando as condições de vida onde estão inseridos.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.

Comments are closed.