COMPARTILHAR

HOspital-Manoel-GonçalvesA verba de R$ 49.764.366,45 foi aprovada para o para custeio de 136 hospitais de Minas Gerais. Os recursos fazem parte de saldo remanescente da antiga gestão do Estado encontrados no Fundo Estadual de Saúde no início do ano. Durante todo o ano, a SES e o Cosems discutiram com os municípios a melhor forma de destinação dos valores, que acrescem aos recursos já destinados pela SES e governo federal nos diversos programas existentes. O resultado contempla 45% dos leitos gerais sem UTI e 69% dos leitos de UTI-SUS do Estado.

 

 

Metade dos recursos foi destinado conforme o número de diárias das Autorização de Internação Hospitalar (AIH) de média complexidade. A outra metade com base no percentual de incentivo já recebido (programas estaduais e federais) em relação à produção de média complexidade de cada hospital.

 

 

“Excluímos hospitais privados com fins lucrativos e alguns que já receberam recursos extras este ano”, disse Maria do Carmo, subsecretária de Regulação em Saúde.

 

 

 

Hospital Santa Casa de Bom Despacho Bom Despacho R$ 132.133,48
Hospital São Carlos de Lagoa da Prata Lagoa da Prata R$ 158.000,76
Hospital São Luiz de Formiga Formiga R$ 300.483,22
Hospital Manoel Gonçalves Itaúna R$ 251.032,82
Santa Casa de Misericórdia de Pitangui Pitangui R$ 116.131,79
Hospital NS da Conceição de Pará de Minas Pará de Minas R$ 258.084,23
Hospital São Judas Tadeu de Oliveira Oliveira R$ 174.976,37
Santa Casa de Campo Belo Campo Belo R$ 188.954,86
COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.