COMPARTILHAR

bA Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig foi selecionada pela sexta vez consecutiva para compor a carteira do Índice Carbono Eficiente – ICO2, que agrupa empresas que atuam de forma eficiente em relação às emissões de gases de efeito estufa.

 

 

A Cemig elabora anualmente seu inventário de emissões de gases de efeito estufa seguindo as diretrizes da norma NBR ISO 14.064-1 e as especificações do Programa Brasileiro do GHG Protocol e o submete à verificação independente, o que confere maior credibilidade aos números reportados. O inventário referente a 2014 está disponível no site da Cemig.

 

 

A nova carteira do ICO2, que passou a vigorar nesta semana, é constituída por 31 ações de 29 empresas. Para o primeiro quadrimestre de 2016, a participação das ações da Cemig representará 0,582% da carteira. A carteira completa do Índice Carbono Eficiente e outras informações podem ser conhecidas no site da Bovespa.

 

 

O ICO2 foi criado pela BM&FBOVESPA e o pelo BNDES, com o objetivo de incentivar as empresas que possuem as ações mais negociadas na Bolsa a melhorar sua eficiência em relação às emissões de gases de efeito estufa.

 

 

Além de integrar a carteira do índice, a Cemig é reconhecida, também, pelo quarto ano consecutivo, pelo Carbon Disclosure Project – CDP, como uma das dez empresas brasileiras que se destacam no quesito “Transparência” na divulgação de informações relacionadas às mudanças climáticas. O CDP é uma organização internacional que reúne a maior base de dados mundial de informações corporativas sobre mudanças climáticas, consultada por investidores, órgãos de governo, legisladores, comunidade acadêmica e público em geral.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.