COMPARTILHAR

mutirão dengue - bairro universitário (2)Iniciativa da Vigilância Sanitária da Prefeitura, em parceria com o SAAE, tem recolhido verdadeiras montanhas de lixo em lotes e casas particulares

 

 

Os alertas, campanhas por rádio, televisão e nos jornais, além do corpo a corpo feito por agentes de saúde da cidade, parecem ter surtido pouco efeito com relação ao combate de mosquitos e focos de dengue. Afinal, os números do mutirão que vem sendo feito em Itaúna numa parceria entre a Vigilância Sanitária e o SAAE, são alarmantes. Por dia, são recolhidos em média seis toneladas de lixo em cada região.

 
A campanha começou no último dia 1º de junho, e o primeiro bairro percorrido foi o Jadir Marinho. Na ocasião, com menos de dois meses da última limpeza que havia sido feita no bairro, um caminhão repleto de entulho, com cerca de seis toneladas, foi retirado. Porém, o fato não foi isolado, e desde então, em todos os bairros percorridos, a mesma quantidade de lixo foi encontrada. Responsável pelo mutirão, o Gerente de Vigilância em Saúde, Antônio Delgado, faz um verdadeiro apelo para a população. “É preciso se conscientizar de que não adianta a Prefeitura fazer a limpeza das ruas se a população não colaborar. Temos encontrado muito lixo que serve de criadouro para o mosquito. Agora é uma época em que não há proliferação, por causa do frio, mas é bom lembrar que os ovos resistem até um ano à espera de chuva para se reproduzirem”, explicou.

 
Apesar dos números alarmantes, Delgado faz questão de elogiar o trabalho desempenhado por sua equipe de agentes, além da parceria com o SAAE. “Todos estão empenhados, estamos percorrendo rua por rua e contamos com o apoio da população no momento de nossa visita. O trabalho é realizado de segunda a sexta, desde que não haja chuva. O pessoal do SAAE também tem sido fundamental neste trabalho”, continuou.

 
Bairros percorridos
Os agentes estão realizando uma varredura pelos bairros. Além do Jadir Marinho, já foram visitados Santa Mônica, Piaguassu, Fundão, Veredas, Várzea da Olaria, Irmãos Auler, Padre Eustáquio, Vila Vilaça, Vila Tavares, Antunes, Olímpio Moreira e Universitário. De sexta, até a próxima terça, os agentes vão percorrer o centro da cidade.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.