COMPARTILHAR

Campanha do Agasalho MUSA- Creche Dona GeraldaOs empregados da Mineração Usiminas (MUSA) se uniram em mais uma edição da Campanha do Agasalho, realizada ao longo do mês de junho, com o intuito de ajudar os mais necessitados. Roupas infantis e de adulto, cobertores e calçados foram arrecadados na Mina Oeste e na sede da empresa, em Belo Horizonte, e destinados às instituições de caridade da região. As doações chegam em boa hora, já que o inverno de 2016 tem sido o mais rigoroso dos últimos anos.

 

 

Com a mobilização, foram beneficiadas três entidades de Itatiaiuçu: a Creche Dona Geralda, o Abrigo de Crianças e Adolescentes de Itatiaiuçu (ABRACI) e o Asilo Santa Luzia de Marilac. Em Itaúna, quem recebeu os donativos foi o Centro de Recuperação e Assistência Social Integrada (CRASI).

 

 

Com cerca de um ano e meio de funcionamento, o Asilo Santa Luiza de Marilac está na lista dos contemplados com as doações pela segunda vez. Para a enfermeira da casa, Natália Fernanda de Sousa, a iniciativa, além de ajudar materialmente, é uma forma de transmitir carinho e mostrar aos idosos que eles são lembrados. “Aquecemos não só o corpo, mas também os corações deles. Eles ficam muito alegres com a visita e se sentem importantes”.

 

 

A analista de Recursos Humanos da MUSA Kelly Ane Pousa da Silva, que já participou de outras ações de voluntariado da empresa, e pela primeira vez esteve na entrega dos donativos, conta que é gratificante ver que os donativos realmente fazem diferença para os que recebem. “Muito mais do que de doações, essas pessoas precisam de atenção. Considero que ações deste tipo são mais importantes pra quem doa do que pra quem recebe. Isto porque é uma oportunidade para refletirmos que podemos ajudar ainda mais e ganhamos como recompensa o sorriso no rosto dos mais necessitados”, afirma Kelly.

COMPARTILHAR

Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.