COMPARTILHAR

IMG_4790O que acontecia no universo musical nos anos de 1980? Qual era o som das Minas Gerais nesse período? Como eram os bastidores de um grande show? Que caminhos a música instrumental mineira percorreu? Por onde essa música reverberará?

 
Esses são apenas alguns dos assuntos abordados no livro O som das Minas: nas anotações de Malluh, do escritor José Roberto Pereira. Trata-se da nova obra do autor, conhecido por suas elogiadas publicações infantojuvenis (As Aventuras da Formiguinha Tonhonhõe, A Joaninha e a Margarida, O Craque/ck), sendo a primeira de não ficção.
Tendo como base o acervo particular da escritora, jornalista e produtora cultural Malluh Praxedes, o livro descortina o cenário musical dos anos de 1980, com destaque para a produção mineira, especialmente a instrumental. Grandes nomes da música são trazidos para perto do leitor, por meio das entrevistas realizadas pela jornalista e bem dispostas na obra pelo autor.

 
No livro, o leitor conhecerá um pouco mais da carreira de nomes como Marco Antônio Araújo, Celso Adolfo, Tadeu Franco, 14 Bis, Elomar, David Tygel (do grupo musical Boca Livre), Geraldo Azevedo, Alceu Valença, Djavan, Fausto Nilo, Murilo Antunes, Túlio Mourão, Marco Antônio Guimarães (criador do Uakti), Eduardo Hazan, alguns dos entrevistados por Malluh em seus nove anos como colaboradora do jornal Estado de Minas.

 

 
Além de ter sido colaboradora do jornal, Malluh tem uma brilhante trajetória na área cultural: integrou por 21 anos a equipe do BDMG Cultural, contribuindo significativamente com a música mineira. Tem, ainda, uma sólida carreira na literatura, com 15 livros publicados. José Roberto Pereira soube tirar proveito de tudo isso, não se limitando a contar parte da história da música, o que, por si só, já seria rico.

 

 
O autor se volta também para o trabalho dos produtores, para projetos destinados à música mineira, como o Prêmio BDMG Instrumental e o prêmio Jovem Instrumentista BDMG, entre outros, que foram criados por Malluh e contaram com sua produção e coordenação e estão entre os principais prêmios do gênero no Brasil. Como não poderia deixar de ser, vida e obra da escritora e jornalista também são assuntos do livro. Tudo bem contextualizado e ancorado, ainda, em um consistente e bem cuidado trabalho de pesquisa.

 

 
Os feitos de Malluh são, assim, desvendados por José Roberto, e o leitor tem diante de seus olhos um panorama da música mineira no período abrangido pela obra e da extensão das valiosas contribuições de Malluh à área cultural. O livro é indicado tanto para quem está ou pretende entrar no campo da música como para todos que apreciam uma boa leitura e as diversas ramificações das artes e seus profissionais.

 

 
Graduado em Letras, professor de artes, José Roberto mostra cada vez mais seu talento e versatilidade, com trabalhos consistentes na literatura, no teatro, no cinema e em outras linguagens artísticas. Com O som das Minas: nas anotações de Malluh, Pereira dá passos largos em sua carreira de escritor, apresentando um trabalho maduro, agradável, capaz de conquistar o leitor, seja ele leigo ou conhecedor dos assuntos tratados.

 

 
O livro é realizado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura, com a parceria do Grupo Alterosa e tem o selo da Mosaico Produção Editorial.

 

 
Os primeiros lançamentos do livro aconteceram neste mês, nos dias 18 (Pará de Minas) e 24 (Belo horizonte) com bate-papo com a presença de José Roberto Pereira e Malluh Praxedes. Em Itaúna, o lançamento do livro tem o apoio da Associação Cultural Projeto Usina de Sonhos e será dia 31 de agosto (quarta-feira) – no Espaço Cultural Sílvio de Matos – Rua Antônio Corradi, 55 – Centro – 20h. Preço do livro: R$ 20,00.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.