COMPARTILHAR

Iniciativa da Prefeitura valoriza as itaunenses, oferece serviços gratuitos e orientação social

 

 

Falar de mulher é enaltecer a família. É reforçar os vínculos de união que existem em casa, nas relações de amizade, profissionais e sociais. É valorizar a importância delas para o fortalecimento de uma sociedade mais justa, fraternal e solidária. Para destacar esses conceitos e resgatar o papel feminino na formação das famílias, o palestrante Pe. Chrystian Shankar participou da abertura da Semana da Mulher, na praça da Matriz.

 
Lançado pela Prefeitura de Itaúna em homenagem a elas, durante a comemoração do Dia Internacional da Mulher, em 08 de março, o projeto é uma ação de valorização das itaunenses. Com atividades voltadas para o bem-estar e serviços de orientação social, a Semana da Mulher oferece atividades gratuitas.

 

 
Em três dias, a expectativa é oferecer centenas de documentos de identidade, carteira de trabalho e certidões. O atendimento é realizado das 14h às 17 horas, de graça, por ordem de chegada dos interessados. Nesta segunda-feira, além de serviços, houve oficina de artesanato, corte de cabelo, escova, prancha, aferição de pressão e teste de glicemia, atendimento do Procon e de estagiários de Direito, tirando dúvidas jurídicas.

 
Chrystian Shankar reuniu mais de 300 pessoas no palco oficial do evento. Falando sobre a família, ele prendeu a atenção dos participantes e transmitiu uma mensagem de valorização do ser humano. “Falamos da mulher, da sua importância na sociedade. Mas, sobretudo, do ser humano em construção, das contribuições de cada um para o fortalecimento dos vínculos familiares e sociais”, resumiu o palestrante.

 

 
A primeira tarde de homenagens terminou com a participação da Rainha Conga de Itaúna, Dona Mariana, e a Rainha Perpétua, Dona Sãozinha, como mostra do respeito da Prefeitura de Itaúna pelas manifestações culturais do Município. A neta de Sãozinha, Joana D’Arc, capitã da Guarda de Candombe Nossa Senhora do Rosário, fez uma apresentação ao lado da família, ressaltando que ali estavam presentes quatro gerações do congado. “Mulher é raiz, é firmeza. Hoje, bisavó, avó, mãe e neta estão unidades pela manutenção da cultura”, ressaltou.

 

 
“A Prefeitura de Itaúna respeita as tradições e como forma de homenagear as mulheres fortes, envolvidas com as manifestações culturais em nossa cidade convidou expoentes da cultura afro para receber a honraria em nome do nosso reconhecimento a essa festa folclórica e, sobretudo, uma manifestação de fé”, completou a Secretaria Municipal de Educação e Cultura, Alessandra Nogueira Santos Araújo.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.