COMPARTILHAR

Grupo encena também clássico infantil no próximo sábado

 

 

A madre superiora de um convento morre e durante o velório, quatro discípulas dela começam a contar histórias do passado, assumindo alguns pecados que cometeram no passado. Depois de se revirar muito no caixão devido às peripécias das pupilas, a falecida volta ao mundo dos vivos para acertar as contas com elas e apronta muitas confusões. Esse é o enredo de uma comédia que conquistou Itaúna e região: “As Freiras em… Convento em Confissão”, que volta ao palco para celebrar uma década de sucesso.

 

 

A peça estará em cartaz no Teatro Sílvio de Mattos no domingo, dia 09 de abril, em sessão a partir das 20 horas. Com texto de Gustavo Bezzi e direção de Filipe Corrêa, o espetáculo já foi apresentado em mais de 20 cidades. Como parte das comemorações pelos dez anos da montagem, será preparada uma cabine fotográfica para o público, na entrada do Espaço Cultural.

 

 
Para a criançada

A agenda do Teatro Sílvio de Mattos tem atração também para as crianças no próximo fim de semana. No sábado, 08, a Descarga Companhia de Comédia apresentará a peça “Os Três Porquinhos”, a partir das 18 horas. O grupo levará ao palco o clássico infantil que conta a história de Cícero, Heitor e Prático, às voltas com as ameças do grande e assustador Lobo Mau. Muitas aventuras e brincadeiras compõem o espetáculo, também dirigido por Filipe Corrêa. No final, a meninada ainda poderá tirar fotos com os personagens.

 

 
Serviço:

Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e a meia-entrada está garantida para todos os que comprarem antecipadamente. Mais informações em www.facebook.com/descargaciadecomedia ou pelos telefones 9 9997.0813 ou 3243.6395. O Teatro Sílvio de Mattos fica no Espaço Cultural, localizado na rua Antônio Corradi, 55 Centro.

 

 

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.