COMPARTILHAR

Encontro encerra programação da Prefeitura de Itaúna para o mês de março, quando várias ações foram promovidas para valorização das itaunenses

 

 

A Prefeitura de Itaúna encerrou o mês de março com um encontro esclarecedor sobre os direitos da mulher. Em palestra realizada no Teatro Sílvio de Mattos, na noite de sexta-feira, 31, a psicóloga Luciana Crepaldi trouxe à tona a importância de políticas públicas voltadas à valorização e equiparação dos direitos das representantes do sexo feminino. A primeira-dama do Município, Daniela Cristina Nogueira Melo, professoras de várias escolas municipais, representantes da Secretaria de Assistência Social, comunidades terapêuticas, vereadoras e o delegado Jorge Antônio Pereira de Mello, contribuíram para o sucesso do evento.

 

 

O representante da Polícia Civil elogiou a iniciativa da administração municipal. “É preciso que se fale sobre o assunto e estabeleça de maneira bem clara os direitos da mulher. A informação é uma importante forma de prevenção contra a violência de gênero”, analisou.

 

 

As vereadoras Márcia Cristina Silva Santos e Otacília de Cássia Barbosa Parreiras participaram da palestra. Na abertura, Otacília enalteceu as políticas públicas de valorização da mulher e parabenizou a Prefeitura de Itaúna pela atitude de promover o diálogo com todos os segmentos sociais em busca da igualdade de direitos.

 

 

A palestrante Luciana Crepaldi, especialista em criminologia, é fundadora da Rede de Enfrentamento à Violência contra Mulheres em Minas Gerais. Luciana trouxe esclarecimentos sobre o funcionamento e o avanço da legislação em defesa da mulher, com destaque para a lei Maria da Penha, que dispõe sobre a violência doméstica, e a recém-aprovada lei que caracteriza o feminicídio, termo que descreve o crime de ódio baseado no gênero.

 

 

Ao final do encontro, o secretário Municipal de Assistência Social, Élvio Marques, destacou os objetivos da administração municipal com foco para o trabalho de mobilização e educação social para a construção de uma sociedade mais justa. Ressaltou ainda a parceria promovida com a Comunidade Mães e Filhos, apoiadora do evento. “Precisamos que o trabalho seja contínuo e faremos isso, buscando junto à sociedade, entidades organizadas e autoridades competentes, soluções no sentido de coibir a criminalidade e acolher as vítimas. Todos podem participar e se engajar nesta luta conosco”, afirmou.

 

 

A primeira-dama do Município, Daniela Cristina Nogueira Melo, reforçou a importância das lutas por direitos e resumiu o encontro. “As conquistas das mulheres mobilizaram os governos ao longo do tempo a adotarem uma nova postura de defesa e valorização da mulher. Hoje, o Município conta com vários equipamentos, programas sociais e projetos voltados para as itaunenses como forma de reconhecer a importância da mulher na sociedade moderna”, analisou.

 

 
Outros olhares

 

 

Fez parte da programação a apresentação de dança contemporânea da bailarina itaunense e voluntária na Comunidade Terapêutica Mães e Filhos, Bruna Uriel, ao lado de Victor Teddy. Durante o encontro o ator e diretor de teatro, Filipe Corrêa, acompanhado de alunos da oficina mantida pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura. A esquete foi encenada pelos jovens talentos Natana Guimarães, Marco Antônio Júnior e Mayra Carolina. Ambos os trabalho apresentaram diferentes nuances sobre a violência doméstica contra a mulher, convidando a plateia a refletir sobre o respeito e a dignidade da pessoa humana.

 

 
Mais ação

 

 

Durante o mês de março, a Prefeitura de Itaúna realizou várias atividades de valorização da mulher. Um encontro na Praça da Matriz, entre os dias 06 e 08, promoveu a convivência e a prestação de serviços. Documentos de Identidade, de trabalho e certidões foram expedidas gratuitamente, oficinas de artes, artesanato e danças oferecidas à comunidade, além de cortes de cabelo, massagem facial, limpeza de pele e cuidados com as unhas e sobrancelhas.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.