COMPARTILHAR

Câmara institui Semana de Combate à Corrupção Eleitoral

 

 

A Câmara Municipal de Itaúna aprovou o projeto que institui a “Semana de Combate à Corrupção Eleitoral e Valorização da Ficha Limpa”. Serão realizados eventos de conscientização para jovens e eleitores com o objetivo de impedir a compra e venda de votos e demonstrar ao eleitorado como identificar um mau candidato.

 

 

Para os vereadores a única maneira de abortar a corrupção eleitoral é educar o eleitor. “Queremos conscientizar a população que, mais do que nunca, hoje é um dever do político ser ficha limpa. Acredito que o Legislativo e o Executivo atuando juntos, podem melhorar a conscientização do eleitor itaunense” afirma Alexandre Campos, (PMDB), propositor do projeto.

 

 

Para o presidente da Casa, Marcinho Hakuna (PSD), o projeto contribuirá para a melhoria da cidade como um todo. “Todos os mecanismos de combate à corrupção e ao mau político são válidos. Itaúna só tem a ganhar”.

 

 

Empresa de ônibus terá que emplacar seus veículos em Itaúna

 

A concessionária do transporte público, Autotrans, será obrigada a emplacar, em Itaúna, os veículos que rodam na cidade. O projeto que dispõe sobre essa obrigatoriedade foi aprovado por unanimidade pelos vereadores.

 

De acordo com Antônio de Miranda (PHS), a situação já está descrita no contrato, porém sem a força de uma lei e sem fiscalização o termo não é cumprido. “É importante aprovarmos a lei para que possamos trazer o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores, IPVA, para a cidade. É aqui que os ônibus rodam e é aqui que o imposto deve ficar” complementa.

 

 

Atualmente a frota é emplacada em Carmésia, munícipio mineiro de pouco mais de cinco mil habitantes. Por uma lei municipal, aprovada na década de 80, naquele munícipio, parte do IPVA destinado à cidade é restituído ao frotista e empresas de transportes que lá fizerem o emplacamento.

 

Tiro de Guerra é homenageado

 

O vereador Antônio José de Faria Júnior – Da Lua (PSDB), se emocionou ao falar sobre o Tiro de Guerra 04-009. Por sua iniciativa, a Câmara aprovou moção de aplausos pelos relevantes serviços prestados pela instituição ao munícipio.

 

O Tiro de Guerra está presente na cidade há mais de 70 anos. Durante todo este tempo, segundo os vereadores, o TG nunca se furtou às suas responsabilidades com a comunidade. “Fico emocionado ao falar do Tiro de Guerra. Aconselho todos a prestar o serviço militar, pois é uma grande escola” afirma o vereador.

 

 

O Subtenente Chefe da Instrução do Tiro de Guerra – TG 04-009, Wilson Geraldo de Oliveira, que assumiu o comando da divisão por dois anos, a partir de janeiro de 2017 e o Subtenente Wagson Fernandes Pinheiro acompanharam a votação. “Poucas vezes vi dois comandantes tão participativos quanto vocês. Vocês (recrutas) são privilegiados” parabenizou o presidente da Câmara, Marcinho Hakuna (PSD).

 

 

Durante a votação os vereadores ainda reiteraram pedidos ao Executivo para manter a Instituição na cidade. No início do mandato foi veiculada a possibilidade do fim do convênio. “Os valores gastos pela prefeitura são pequenos frente aos valores que são repassados aos nossos jovens” afirma Otacília Barbosa (PV).

 

Homenagens

 

Além do Tiro de Guerra, também foram aprovados moção de apoio aos agentes penitenciários e diploma de mérito esportivo ao jogador itaunense Pedro Henrique Souza Lopes, que hoje defende o Atlético Mineiro, em suas categorias de base.

 

Câmara quer contratação de pediatras e endocrinologista

 

A vereadora Márcia Cristina Silva Santos (PP) comentou a atual situação da Policlínica Dr. Ovídio Silva sobre o atendimento pediátrico no local.

 

De acordo com a vereadora é necessário mudanças na marcação de exames e contratação urgente de médicos pediatras e endocrinologistas. “É claro e notório que vimos vários médicos contratados pela administração. Mas hoje temos uma grande dificuldade de pediatras e endocrinologistas no pronto-socorro e PSFs.”

 

Reintegração de servidores na mira da Câmara

 

Hudson Bernardes (PSC) quer que a Câmara discuta sobre a reintegração dos servidores imposta pela Justiça esta semana. O assunto veio à tona depois de publicada reportagem que tornou pública a decisão da Justiça a favor dos demitidos.

 

O advogado do SINDSERV, Marcos Penido, responsável pela defesa dos servidores, será convidado a dar esclarecimentos sobre a matéria. “Que a gente faça um debate amplo para esclarecer definitivamente esta situação” pediu.

 

Otacília Barbosa (PV), na época procuradora do munícipio, pediu que os procuradores que atuaram no mandato do ex prefeito Osmando Pereira sejam também convidados a participar do debate.

COMPARTILHAR

Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.