COMPARTILHAR

Conselho e Prefeitura reforçam trabalho pela construção de políticas públicas para o setor

 

Foi realizada no sábado, 08 de julho, no auditório do Colégio Sant’Ana, a 1ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde. A assembleia, organizada e coordenada pelo Conselho Municipal de Saúde – CMS – contou com o apoio da Prefeitura e abordou as propostas para a construção de políticas públicas e fortalecimento do setor. O encontro teve início nas primeiras horas da manhã e seguiu até o fim da tarde, com extensa programação e participação de conselheiros e vários servidores do Município.

 

 

O tema central “Vigilância em Saúde: Direitos, Conquistas e Defesa de um SUS Público de Qualidade” chamou a atenção para importância dos serviços relacionados às práticas voltadas à prevenção de doenças. Os debates englobaram a importância do trabalho desenvolvido hoje, as prioridades a serem atendidas, projetos e o planejamento para os departamentos de Epidemiologia e Controle de Zoonoses.

 

 

O presidente do CMS, Antônio Mariano de Souza, o Mussum, abriu oficialmente a conferência, e, ao lado do gerente de Vigilância em Saúde, Jarbas Melo, e do secretário municipal de Saúde, Fernando Meira de Faria, reforçou a necessidade da discussão aprofundada a respeito dos temas propostos. Fernando Meira endossou as palavras do conselheiro, frisando a importância de discutir, buscar melhorias e planejar a prevenção.

 

 

“São raras as oportunidades que temos de discutirmos a promoção da saúde, em vez de a cura de doenças. Esse é um momento importante, em que debateremos juntos o que pode ser feito para melhorar a qualidade de vida da nossa população. Vamos aproveitar”, convidou. A programação contou também com palestra de Camila de Araújo Dornelas, bacharel em Gestão de Serviços de Saúde pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, e pós-graduada em Micropolítica do Trabalho e da Gestão em Saúde, pela Universidade Federal Fluminense – UFF, no Rio de Janeiro.

 

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.