COMPARTILHAR

Medida é fundamental para promoção da saúde do servidor e atende exigência do Ministério Público do Trabalho

 

 

A Prefeitura de Itaúna retomou, depois de três anos paralisados, os trabalhos da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA, órgão responsável por observar e relatar as condições de risco nos ambientes funcionais, propondo medidas para reduzir e até eliminar riscos existentes. A providência busca regularizar as demandas relativas aos serviços de Medicina e Segurança do Trabalho, de forma a atender ao acordo firmado entre o Município de Itaúna e Ministério Público do Trabalho, por meio da Procuradoria do Trabalho da 3ª Região, com sede em Divinópolis.
A recomposição e posse dos membros da CIPA foi realizada em cerimônia no gabinete do prefeito Neider Moreira, na manhã da última sexta-feira, 25 de agosto, com a presença do secretário municipal de Administração, Dalton Leandro Nogueira, o chefe de gabinete, Valter Gonçalves do Amaral, e o gerente superior de Recursos Humanos, Luiz Antônio Vasconcelos. “Investir na segurança e na qualidade do trabalho dos servidores é mais uma forma de valorizá-los nos diversos setores do serviço público, preservando a vida e a promovendo da saúde do trabalhador”, destacou Dalton.

 

A falta de atuação da Comissão desde 2015, exigiu a tomada rápida de ações. Entre as propostas já aprovadas estão a aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e uniformes para servidores de diversos setores, a liberação de uma moto para que os Técnicos de Segurança do Trabalho possam acompanhar as atividades realizadas, bem como executar as vistorias necessárias.

 

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), é regulamentada pela Portaria n.º 3.214, de 08 de junho de 1978, que é a Norma Regulamentadora n.º 5, do Ministério do Trabalho. O novo presidente, com mandato de um ano, é o gerente de iluminação, Farlon Rabelo de Melo. Na presença de todos os membros, ele agradeceu a confiança e salientou a importância da CIPA, destacando a importância das medidas preventivas que também devem ser tomadas por parte dos funcionários.

 

 

O Conselho é composto por grupos distintos. Representando os empregados foram empossados os servidores Mazarello de Fátima Machado, Maria de Lourdes Fonseca, Gláucio Martins de Souza, Magali Maria da Silva, Sérgio Eduardo Rodrigues de Souza, Jardel Rodrigues Silva, Romero Oscar da Fonseca. Os representantes do empregador são Farlon Rabelo de Melo, Cláudia Maria de Paula Braz, Danielle Soares da Silva, Bruno Souza Gonçalves, Maria Célia Alcântara Mendes, Carlos Alberto Honorato Pereira, Jarbas de Melo.

 

 

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.