COMPARTILHAR

Administração busca soluções para reforçar parcerias e ampliar serviços no local, após Associação desistir de gerir o espaço

 

Em atendimento ao pedido da Associação Recreativa e Desportiva da Praça de Esportes Juscelino Kubitschek de Oliveira (JK), a Prefeitura de Itaúna revogou o decreto que permitia à entidade administrar o espaço de convivência e lazer, localizado no bairro Cerqueira Lima. A medida foi adotada mediante manifestação de desinteresse de continuar a gerir o local, feita pela própria organização. O ato (decreto n.º 6.691) está publicado na edição do Jornal Oficial do Município desta terça-feira, 23 de janeiro, disponível em www.itauna.mg.gov.br.

 

 

A decisão da Associação surpreendeu a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer tendo em vista que ainda em janeiro, no dia 02, havia sido renovada, pelo governo municipal, a permissão de uso da Praça de Esportes JK, por meio do Decreto 6.677. Com a revogação do decreto, a Prefeitura está adotando medidas emergenciais para dar continuidade às atividades mantidas no local e manter o espaço aberto para o uso da comunidade.

 

 

A Praça de Esportes JK está funcionando normalmente, com todos os equipamentos, exceção para a piscina, que está interditada há mais de quatro anos e com expectativa de ser recuperada nos próximos meses. O espaço também é palco para aulas de futsal e vôlei, oferecidas por escolinhas esportivas, mantidas pela Prefeitura de Itaúna e que atendem centenas de crianças, jovens e adultos.

 

 

Restabelecendo parcerias

 

A Prefeitura de Itaúna acredita nas parcerias. Prova disso é que a administração municipal já iniciou os procedimentos para a publicação de um chamamento público, por meio do qual, associações serão convidadas a apresentar propostas para gerir o imóvel. Se não houver instituições interessadas, a Prefeitura fará licitação, para cessão de espaços às entidades que desenvolvem programas sociais, conforme previsto na legislação.

 

 

Caso da Escola de Cultura Popular Ginga Capoeira, que atende crianças e adolescentes, por meio de projeto patrocinado pela iniciativa privada. A Secretaria Municipal de Esportes solicitou que a organização suspendesse as aulas no local, temporariamente, até que a situação seja regularizada juridicamente. O gestor da pasta, Gustavo Dornas Barbosa, reforça que a equipe está trabalhando para resolver a questão o mais breve possível.

 

 

“Logo que a associação anunciou a desistência de permanecer à frente da Praça de Esportes JK, foram iniciados os procedimentos para regulamentar a cessão do espaço. Apesar de todas as questões que devem ser analisadas, a Prefeitura garantiu o funcionamento dos equipamentos, inclusive, mantendo o espaço aberto para os usuários”, tranquilizou o secretário de Esportes. “Os trâmites burocráticos seguem, para que não haja prejuízos a quaisquer trabalhos desenvolvidos no local. A proposta é ampliar cada vez mais os serviços à comunidade”, completou Gustavo.

 

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.