COMPARTILHAR

Iniciativa inédita em Itaúna garante benefício para alunos de escolas públicas e privadas, cursos técnicos e superiores

 

Iniciativa inédita em Itaúna garante o Meio-Passe Estudantil para alunos de escolas públicas e privadas, cursos técnicos e superiores, desde outubro do ano passado. A medida foi viabilizada devido a articulação, iniciada pela administração junto à concessionária do transporte coletivo na cidade, nos primeiros meses de 2017. E, hoje já alcança cerca de 1.553 estudantes, inscritos para receber o desconto de 50%, diariamente, nos deslocamentos para ida e volta das aulas.

 

 

Quem ainda não é usuário, pode se cadastrar para receber o cartão que dá acesso ao benefício. Basta agendar o atendimento pelo telefone 3242.9186. Depois, é preciso ir, na data e horário marcados, à sede da empresa responsável pelas linhas de ônibus, que fica na rua Cunha Quitão, 727, bairro Chácara do Quitão. Para a conclusão do procedimento são exigidos comprovante de matrícula e de frequência escolar (emitidos pela instituição de ensino), além de cópia de comprovante de endereço (conta de água, luz ou telefone) e foto 3X4. Os menores de 18 anos devem estar acompanhados pelos pais. A adesão ao programa Meio-Passe é gratuita e cada beneficiário tem direito a até 88 bilhetes mensais.

 

 

Inclusão e combate à evasão escolar

 

 

A perspectiva é de que o Meio-Passe Escolar contemple mais de 15 mil estudantes, com impactos diretos na vida de aproximadamente 45 mil pessoas, já que a medida afeta o orçamento das famílias, que, mediante a economia nas despesas mensais com passagens, passam a contar com mais recursos para as demais necessidades. A iniciativa tem como objetivo facilitar o acesso às instituições de ensino, diminuindo a evasão escolar.

 

 

Pioneirismo

Com a criação do Meio-Passe Estudantil, Itaúna passou a integrar um seleto grupo de municípios que oferece o benefício. Hoje, o desconto de 50% da passagem, nos mesmos moldes do que será concedido na cidade, é realidade em poucas localidades: Belo Horizonte, Montes Claros, Patos de Minas, Uberaba, Juiz de Fora e Itabira. Em Varginha, onde a mesma concessionária explora as linhas de ônibus, apenas os alunos das escolas municipais, estaduais e do Centro Federal de Educação Tecnológica – Cefet – têm direito.

 

 

Em Contagem, a medida foi adotada em 2017, porém não privilegia os estudantes da rede particular. Além disso, o beneficiário precisa residir a pelo menos dois quilômetros da instituição de ensino. Betim aprovou a lei do Meio-Passe em 2013, no entanto, limita a utilização a duas viagens por dia. No Vale do Aço, Governador Valadares instituiu o desconto de 30% no valor da passagem. E na região Centro-Oeste, Divinópolis, com mais que o dobro da população local, apresentou projeto na Câmara para criação do benefício ano passado, mas ainda não houve avanços.

 

 

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.