COMPARTILHAR

Atividades propõem aumento da conscientização sobre a necessidade de inclusão socia

 

 

Para destacar a importância da humanização da saúde, a Prefeitura de Itaúna realiza, de 14 a 18 de maio, a Semana da Luta Antimanicomial. As atividades programadas têm o objetivo de reforçar a conscientização da população sobre a necessidade de pertencimento e cidadania dos portadores de sofrimento mental e também daqueles com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas.

 

 

Durante cinco dias serão propostas ações que visam a ampliação da assistência na rede de atenção psicossocial, além do fortalecimento de vínculos dos profissionais e usuários dos serviços, fortalecendo a autonomia e a importância do cuidado em liberdade. A diretora da Saúde Mental em Itaúna, Cristiane Santos Souza Nogueira, salienta que as políticas públicas inclusivas são essenciais. “E, nesse sentido, o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, celebrado em 18 de maio, é um marco para que os governos analisem e proponham melhorias no setor”, frisa.

 

 

“A administração municipal atua para viabilizar que as pessoas em tratamento sejam bem acolhidas e cuidadas como sujeitos que têm direito a estar no convívio social”, completa a psicóloga. Ainda segundo Cristiane Nogueira, as discussões têm sido fundamentais no segmento, pois, permitem a construção de um trabalho integrado, para aumento da proteção aos usuários da rede.

 

 

Programação

 

A programação da Semana da Luta Antimanicomial começa na segunda-feira, 14, com assembleia comemorativa no Centro de Atenção Psicossocial – CAPS II, às 08h30, e no Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas – CAPS AD, às 13h30. Na terça-feira, 15, as atividades serão no Centro de Convivência Dr. Peri Tupinambás, 13h30, e também haverá tarde recreativa no CAPS AD. Quarta-feira, 16, os usuários da rede em Itaúna disputarão torneio intermunicipal, em Pará de Minas.

 

 

Para quinta-feira, 17, está prevista uma passeata, que terá concentração no Centro de Convivência Dr. Peri Tupinambás, na avenida Jove Soares, às 09h, e seguirá em direção à Praça da Matriz, onde será realizado um piquenique, com música, no coreto, às 10h. Na sexta-feira, 18, uma comitiva sairá de Itaúna às 10h, para participação na marcha da Luta Antimanicomial, em Belo Horizonte.

 

 

Mais ação

 

Além das atividades comemorativas, serão realizadas ações de formação na rede:

 

25 de maio

 

Oficinas de manejo de crise e comportamento suicida no CAPS II e CAPS AD

 

Público-alvo: profissionais da Rede Municipal de Saúde Mental

 

08 e 09 de junho

 

Oficinas de atenção integral a crise e urgência na rede de saúde mental

 

Público-alvo: Rede Intersetorial, profissionais da área da saúde, psicólogos, Comunidades Terapêuticas, instituições de acolhimento, presídio, APAC e serviços municipais

 

Serviços em Itaúna

 

Itaúna possui atualmente, além da Atenção Básica preparada para oferecer o primeiro atendimento aos portadores de sofrimento mental, uma rede especializada de atuação. Há serviços destinados também às pessoas com necessidades decorrentes do uso de crack, bebidas álcool e outras drogas, nas unidades e equipes do CAPS II (Centro de Atenção Psicossocial), e CAPS AD (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas). O Município também mantém o Centro de Convivência da Saúde Mental, para a socialização dos usuários e realização de oficinas de artes e profissionalizantes.

 

 

Assessoria de Comunicação

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here