COMPARTILHAR

feOuvi a notícia: “cansado de ter a casa assaltada, um morador próximo de Brasília montou uma armadilha e o ladrão acabou morrendo… E o dono da casa agora vai responder a um processo por homicídio doloso, podendo pegar até 30 anos de cadeia”… Cá pra nós, o vagabundo assaltante (que acabará sendo considerado ‘vítima da sociedade’, protegido da Maria do Rosário, tadinho) entra na sua propriedade inúmeras vezes, lhe causando grandes prejuízos e até colocando sua vida em risco, caso seja confrontado, nunca é punido, neste país da impunidade, onde o próprio governo é o maior corrupto de todos. E quando o cidadão se previne – DENTRO DA SUA PROPRIEDADE – ele passa a ser o marginal? O vagabundo passou do limite que lhe era de direito e por isso perdeu o seu direito (e até a vida). Assim eu penso. Sacanagem se condenarem o dono da casa. A delegada disse que houve exagero e que o ladrão estava desarmado… Ora, vá catar coquinhos… E depois ainda diz que poderia ser um inocente ou até uma criança… Pergunto: arrombando uma porta e invadindo propriedade alheia? O que é isso? Seja lá quem for: invadiu, levou. E ainda diz que ele será processado por porte ilegal de armas. Palhaçada. Era uma geringonça feita com tubos enferrujados e uma ratoeira. Foi um acidente, o invasor disparou contra si mesmo, ora. Este caso tem que ser arquivado como ‘suicídio’. O desgraçado estava no local que não deveria estar – lugar errado, hora errada. Já vi um troço deste armado aqui em Itaúna numa casa do Cerqueira Lima, há muito tempo. Meu amigo cansou de ser assaltado, de dar queixas e nada ser resolvido e fabricou a geringonça. Mas, parece que o felizardo do ladrão sacou o negócio e não deu para testar o invento… Tenho quase certeza de que a maioria do povo brasileiro está indignada com tudo que vem acontecendo neste país. Não dá para aguentar mais. Quantos policiais são mortos no Brasil por dia e ninguém dá notícia? 490 foram mortos em 2.014. A inversão de valores é total. Semana passada “aqueles 3 menores que estupraram 4 meninas, arrancaram o mamilo de uma, cortaram a vagina da outra, socaram, chutaram, morderam, enforcaram, quebraram o crâneo da outra, dentre outras barbaridades”… Estão protegidos pela menoridade… E ainda não querem reduzir a maioridade penal… Entreguem os 3 monstros para os ‘direitos humanos’ levarem para as suas casas, ora. No Brasil ‘ama-se’ o bandido e detesta-se a polícia (a não ser na hora em que somos assaltados). O ódio está invadindo a mente das pessoas e estes defensores de merda destes vagabundos ainda ficam colocando panos quentes. Paro para respirar, porque o sangue está fervendo… Fui.

COMPARTILHAR