COMPARTILHAR

IMG_2772Público discutiu ações em prol do desenvolvimento social, que serão apresentadas na Conferência Estadual

 
Cerca de 300 jovens lotaram o teatro Sílvio de Mattos para apresentar propostas e discutir ações que contribuam para o desenvolvimento da nossa sociedade na 3ª Conferência Municipal da Juventude, realizada na terça-feira, 25/08. O tema trabalhado nesta edição foi “Construindo a Minas das Juventudes Gerais”. Os jovens mostraram que estavam atentos a situação atual do Brasil e que se interessam pelas políticas públicas. Eles foram divididos em grupos, com temas diferentes, como por exemplo, saúde, educação, cultura, esporte e lazer, meio ambiente entre outras áreas importantes para a população, para a realização de debates construtivos.

 
A estudante Elora Fonseca, do 3º ano do ensino médio, de 17 anos, foi uma das que mostrou sua opinião e que o jovem itaunense se preocupa com a sociedade em que vive. “Eu achei bem legal colocar os jovens em meio disso tudo, porque nós somos o futuro de tudo o que está vindo ai e precisamos discutir o que queremos e o que é necessário para melhorar o meio em que vivemos, assumindo nossas responsabilidades”, comentou a estudante.

 
O Prefeito Osmando Pereira ficou muito satisfeito com a participação dos jovens itaunenses e disse que espera bons resultados da conferência. “A cidade são as pessoas que nela vivem e nós sonhamos com uma sociedade assim, participativa, solidária, com uma juventude participativa. Eu quero agradecer a presença de vocês, a presença de tantos jovens é para nós uma injeção de ânimo, de entusiasmo e também de dizer que os nossos sonhos não são em vão. Vocês estarem aqui significa que a cidade que nós sonhamos já está sendo construída. Eu quero parabenizar vocês e desejar que essa conferência atinja seus objetivos, e que juntos possamos fazer de Itaúna uma cidade cada vez melhor e com mais oportunidades para todos.

 
A palestrante Bárbara Ramelo, de Belo Horizonte, disse que a Conferência da Juventude de Itaúna foi uma das maiores em que participou. “Essa é uma das maiores conferências que nós fomos, com cerca de 300 jovens, bem diversificada. Esse é um espaço muito interessante, por onde o jovem de Itaúna pode falar para o poder público o que eles querem para a cidade, lazer, cultura, meio ambiente, saúde, educação, entre outros temas referentes ao desenvolvimento da sociedade. A sociedade, a Prefeitura e o Conselho Municipal da Juventude estão de parabéns por essa grande mobilização”, elogiou.

 
Já o Presidente do Conselho Municipal da Juventude (Comjuve), Danilo Zaidan, lembrou algumas conquistas, que tiveram início na última conferência. “A participação nessa conferência é de extrema importância, pois nossas autoridades precisam saber e conhecer o que a nossa juventude tem a dizer com relação a sua situação. A 2ª conferência, realizada em 2013, foi um ponto crucial para a nossa sociedade. Eleita a melhor conferência do estado de Minas Gerais, ela gerou diversas conquistas, como, por exemplo, a Uaitec [Universidade Aberta Integrada de Minas Gerais], que oferece cursos de qualificação profissional gratuitos para a população. Isso foi requerido na última conferência, apresentada para o governo do estado e aprovada”.

 
Todas as propostas apresentadas na conferência municipal serão analisadas e votadas pelo Comjuve para serem apresentadas na conferência estadual. Para a realização da 3ª Conferência Municipal da Juventude, o Conselho Municipal da Juventude contou com o auxílio das Secretarias Municipais de Assistência Social e de Educação e Cultura.

COMPARTILHAR
Matéria enviada ao Portal Notícias de Itaúna. As matérias enviadas e publicadas no Portal Notícias de Itaúna não refletem necessariamente a opinião do nosso Portal de Informações e são de inteira responsabilidade das pessoas que as assinam.